Press "Enter" to skip to content

Olavo de Carvalho ataca Bolsonaro e ameaça: “derrubo essa merda desse seu governo”

Compartilhe
Olavo de Carvalho se diz atacado por “gabinete do ódio” e critica fato de não ser defendido pelo presidente. Foto: Reprodução/Youtube

O escritor e astrólogo Olavo de Carvalho, ideólogo dos bolsonaristas, postou vídeo nas redes sociais, na madrugada deste domingo (7), com ameaças ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em meio ao usual destempero e muitos palavrões, ele ameaçou romper com o gestor. Na gravação, o ideólogo diz que Bolsonaro nunca foi seu amigo e apresenta como prova disso o fato de, segundo ele, nunca ter sido defendido pelo presidente.

O ideólogo bolsonarista disse ainda que o presidente não age contra o crime, mas não imagine que a crítica dele se relaciona com o enfrentamento à corrupção ou às milícias. O descontentamento de Carvalho é com o não enfrentamento do que chama de crimes contra ele mesmo. O escritor alega que existe um “gabinete do ódio” contra ele há muitos anos. O astrólogo ainda assegura que derrubaria esse “governo de merda” se o presidente continuasse “inativo” e “covarde”

“Milícia, gabinete do ódio, existe há muito tempo, foi inventado contra mim. Não contra o Bolsonaro. E o que ele fez pra me defender? Bosta nenhuma. Chega lá e me dá uma condecoraçãozinha. Enfia a condecoração no cu. Se você não é capaz de me defender contra essa gente toda eu não quero a sua amizade. Porque eu fui seu amigo, mas você nunca foi meu amigo. Você foi tão meu amigo quanto a peppa. Você só tira proveito e devolve o que?”, disse em trecho do vídeo.

O assunto se tornou o mais comentado no Twitter na manhã deste domingo. Vários internautas selecionaram os trechos com os ataques de Olavo de Carvalho ao presidente. O ideólogo bolsonarista tem grande influência sobre a ala ideológica do governo e chegou a indicar ministros. Um deles foi o inacreditável Vélez Rodriguez, que durou poucos dias à frente do Ministério da Educação. A incompetência dele foi demais até para a vexatória média da gestão bolsonarista.

“Há décadas existe esse gabinete do ódio contra Olavo, porra. Invés do presidente dizer que é meu amigo, não é meu amigo não, você simplesmente se aproveitou. Ao invés de me dar uma condecoração, enfia a condecoração no cu. Ta certo? Não quero mais saber. Outra coisa, você não está agindo contra os bandidos, você vê o crime, eles cometem os crimes, você presencia em flagrante e não faz nada contra eles. Isso chama-se prevaricação. Quer levar um processo de prevaricação da minha parte? Esse pessoal não consegue derrubar o seu governo? Eu derrubo. Continue inativo, continue covarde, eu derrubo essa merda desse seu governo”, diz em vídeo.

As críticas ocorrem no mesmo momento em que avança no Congresso a CPMI das Fake News. Há inquérito avançado também no Supremo Tribunal Federal. Vários nomes do governo estão entre os investigados.