Press "Enter" to skip to content

Mourão admite inoperância do governo no enfrentamento à covid-19

Compartilhe
Vice-presidente Hamilton Mourão admite que mérito no enfrentamento à covid-19 é dos estados e municípios (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

Em sessão remota promovida nessa terça-feira (14) pelo Senado Federal, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, admitiu, implícita e surpreendentemente, a inoperância do governo federal em tomar ações efetivas para o enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus.

A pauta do debate temático proposto pelo Senado era o desmatamento na Amazônia. Em vez de se limitar a dar respostas sobre o tema, o vice-presidente atirou contra o governo. Ato falho ou não, ele confirmou que o trabalho pesado realizado para enfrentar a covid-19 vem sendo feito por governadores e prefeitos.

“(…) hoje está controlada [a pandemia] graças ao trabalho executado pelos governos locais: estaduais e municipais”, afirma o vice-presidente Hamilton Mourão.

Em sua fala, Mourão traz uma meia verdade, pois o trabalho de enfrentamento à covid-19 vem, sim, sendo executado pelos governos estaduais e municipais. Porém, ao contrário do que disse o vice-presidente, a pandemia está longe de ser controlada. O Brasil hoje tem 74,4 mil mortos e 1,9 milhão de infectados pela doença.