Política -
Morre aos 87 anos o ex-governador de Goiás, Iris Rezende
Termômetro da Política
Compartilhe:
Iris Rezende tratav um Acidente Vascular Cerebral (AVC) que o acometeu desde o dia 6 de agosto (Foto: Agência Brasil)

Morreu aos 87 anos, no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, o ex-governador de Goiás e ex-prefeito de Goiânia, Iris Rezende. Ele estava em tratamento de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) que o acometeu desde o dia 6 de agosto.

Seu corpo será velado no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia, e o sepultamento será às 17 horas no cemitério Santana. A morte do ex-governador foi confirmada há pouco em seu perfil oficial no Twitter.

Rezende foi submetido a uma entubação no último sábado (6), para tratar de uma infecção pulmonar.

A internação teve início em agosto em Goiás, assim que teve o AVC hemorrágico diagnosticado depois de sentir dores de cabeça, o ex-governador foi submetido a uma cirurgia no dia 6 de agosto, no Instituto Neurológico, procedimento que foi “bem sucedido”, segundo os médicos e uma nota de esclarecimento divulgada pela família do político.

Veja também
Ministro Alexandre de Moraes substitui prisão preventiva de deputado bolsonarista por medidas cautelares

No dia 10, uma outra nota informou que ele chegou a ser entubado, mas que teria apresentado “melhora no quadro geral”, demonstrando “níveis de consciência”, respondendo a comandos. Ainda segundo a  nota, as funções de outros órgãos continuavam “normais”.

Após uma “forte infecção”, Rezende foi novamente submetido a uma entubação no dia 6 de novembro.

Diante da notícia de sua morte, a prefeitura de Goiânia decretou, hoje (9), luto oficial por sete dias. “O Brasil perde um de seus notáveis líderes políticos, com dedicação ao país nos postos de ministro da Agricultura e da Justiça em diferentes épocas. Ao Estado de Goiás serviu como Senador da República e como governador por dois mandatos. Em Goiânia, onde sua missão política começou e se encerrou, foi o vereador mais jovem da história da cidade e, também, eleito quatro vezes prefeito da capital. Iris inspirou a tantos e fará falta a muitos”, afirmou, na nota, o prefeito Rogério Cruz.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe:
Palavras-chave
goiásmorte