Jornalista, fotógrafo e consultor. Escreve desde poemas de amor a ensaios sobre política. É editor no Termômetro da Política e autor de Emagreça bebendo cerveja. Twitter: @gesteira.
Jornalista, fotógrafo e consultor. Escreve desde poemas de amor a ensaios sobre política. É editor no Termômetro da Política e autor de Emagreça bebendo cerveja. Twitter: @gesteira.
Redes sociais na CPI da Pandemia
Compartilhe:
(Foto: Pedro França/Agência Senado)

Ao menos alguma explicação as empresas terão que dar à CPI da Pandemia.

O senador Randolfe Rodrigues requereu nesta sexta a convocação de representantes do Google e do Facebook.

Elas terão que prestar esclarecimentos sobre declarações do presidente Jair Bolsonaro divulgadas nas redes sociais. Bolsonaro afirmou que contrair o novo coronavírus confere maior imunidade contra a covid-19 que as vacinas.

A postura do presidente é contrária às recomendações das autoridades sanitárias de todo o mundo. Este tipo de conteúdo viola as políticas dessas empresas. Por menos que isso o Facebook baniu as contas do ex-presidente Donald Trump.

Resta saber o que farão contra Bolsonaro.

Texto publicado originalmente em áudio na coluna deste mesmo autor no Podcast 40 Graus. Também disponível no Spotify e Deezer.

Compartilhe: