Jornalista, fotógrafo e consultor. Escreve desde poemas de amor a ensaios sobre política. É editor no Termômetro da Política e autor de Emagreça bebendo cerveja. Twitter: @gesteira.
Jornalista, fotógrafo e consultor. Escreve desde poemas de amor a ensaios sobre política. É editor no Termômetro da Política e autor de Emagreça bebendo cerveja. Twitter: @gesteira.
Seguidores ou robôs?
Compartilhe:
(Foto: Reprodução/Twitter)

Eram seguidores ou robôs?

A queixa do deputado Cabo Gilberto nas redes sociais a respeito da perda de mil seguidores expôs aquilo que ninguém daria conta se não fosse entregue pelo próprio parlamentar.

É de domínio público que as redes bolsonaristas se alimentam de perfis com autenticidade duvidosa.

O que ninguém perde tempo fazendo a conta é de quantos são os falsos seguidores.

No caso do Cabo Gilberto, a conta chega a mais de dez por cento de todo o seu público no Twitter.

A política da rede social de eliminar conta fakes expõe quem reclama da perda.

Se tivesse ficado calado a vergonha seria menor.

Texto publicado originalmente em áudio na coluna deste mesmo autor no Podcast 40 Graus. Também disponível no Spotify e Deezer.

Compartilhe: